História do Basquetebol · Todos os posts

Campeonatos Sul Americanos: uma homenagem aos nossos primeiros representantes

Amigos do Basquetebol

Normalmente, quando nos referimos a competições internacionais o que vem à mente são os Campeonatos Mundiais e Jogos Olímpicos. No entanto, muito antes da participação brasileira nesses importantes eventos, já marcávamos presença nos torneios Sul Americanos.

O interessante é que nossas conquistas continentais demoraram a surgir. No masculino só nos sagramos campeões Sul Americanos na sétima edição do torneio realizada no Rio de Janeiro, em 1939. Éramos superados pela Argentina, Uruguay, Chile e Peru.

No feminino, Chile e Paraguay dominaram as quatro primeiras edições, até que em 1954, finalmente vencemos em São Paulo.

Mas será que alguém se lembra dos nossos integrantes das primeiras seleções que nos representaram nesses Campeonatos, os primeiros oficiais que disputamos? Com certeza a maioria deve desconhecer o nome desses heróis e heroínas.

Neste post trago as formações e informações das equipes nos primeiros Sulamericanos e das primeiras equipes campeãs continentais.

Feminino

  • Primeira participação: 1o. Campeonato Sul Americano – 1946 – Chile – somente quatro equipes:

Campeão – Chile; Vice – Argentina; 3o. Brasil; 4o. Bolívia

Campanha do Brasil: 34 x 46 Chile; 37 x Argentina; 42 x 23 Bolívia

Equipe: Elisa Martins, Elvira Costa, Estela Neves, Julia Ricardi, Laís Pandolfi, Lourecilda Leite, Maria A.Vieira; Ruth Queiroz Telles, Sofia Leoneti, Yvete Mariz e Zilda Ulbrich (Coca). Técnico: Felício Leoneti. Cestinha da equipe: Estela Neves – 30 pontos

  • Primeiro título: 5o. Campeonato Sul Americano – 1954 – S.Paulo – 5 equipes participantes:

Campeão –  Brasil; Vice – Chile; 3o. Equador; 4o. Peru; 5o. Bolívia

Campanha do Brasil: 70 x 29 Bolívia; 59 x 39 Equador; 70 x 38 Peru; 68 x 62 Chile

Equipe: Aglaé Giorgio, Anésia Merlino, Elizabeth Huttenlocher, Izaura Alvarez, Laura Rodrigues, Cida Cardoso, Marta Helga, Nair Kanawati, Neyde Cavagnari, Nívea Figueiredo, Noêmia Assumpçao, Ruth Pereira, Wanda Bezerra e Zilda Ulrich (Coca). Técnico: Mário Amâncio Duarte. Cestinhas: Cida Cardoso e Coca – 43 pontos

Masculino

  • Primeira participação: 1o. Campeonato Sul Americano – 1930 – Uruguay –  quatro equipes:

Campeão – Uruguay; Vice – Argentina; 3o. Brasil; 4o. Chile

 Campanha do Brasil: 15 x 39 Uruguay; 19 x 13 Chile; 11 x 18 Argentina; 11 x 33 Uruguay; 16 x 14 Chile; 17 x 31 Argentina

Equipe: Affonso Segreto, Américo Souza Lima, Antônio Maciel, Augusto Amorim Jr., Francisco Santiago, Hermann Dutra, Jácomo Montá, Lauro Soares, Nelson Monteiro, Waldemar Gonçalves. Técnico: Fred Charles Brown. Cestinha: Lauro Soares – 28 pontos

  • Primeiro título: 7o. Campeonato Sul Americano – 1939 – Rio de Janeiro – 5 equipes 

Campeão –  Brasil; Vice – Uruguay; 3o. Argentina; 4o. Peru; 5o. Chile

Campanha do Brasil: 32 x 25 Peru; 42 x 33 Chile; 34 x 32 Uruguay; 30 x 31 Argentina

Equipe: Adelmo Bertulli, Adílio Soares, Agenor Monteiro, Álvaro do Rego, Américo Montanarini, Armando Albano, Celso Meyer, Cesar Porto, José Simões, Júlio Cerello, Mário Humberto, Martinho Frota, Raul Henrique, Ruy de Freitas. Técnicos: Arno Frank e Octacílio Braga. Cestinha: Ruy de Freitas 27 pontos.

Ruy de Freitas
Ruy de Freitas
Coca
Coca
Anúncios