Basquetebol Europeu · Opinião do autor · Todos os posts

Euroliga – Final Four: os possíveis adversários do Flamengo

Amigos do Basquetebol

Dias 16 e 18 de maio será disputado o Final Four do melhor campeonato de basquetebol do mundo (me desculpem os admiradores da NBA). O sistema Final Four foi implantado em 1988 e primeiro campeão desta era foi o Phillips Milan, exatamente a cidade que sediará o evento neste ano. A equipe da casa foi eliminada pelo Maccabi nas quartas de finais (3-1).

Em Milão, Barcelona x Real Madrid e CSKA Moskow  x Maccabi TelAviv decidirão o título europeu e, consequentemente, o adversário do Flamengo na disputa do título Intercontinental que acontecerá em outubro.

Será uma constelação de grandes jogadores, integrantes das melhores seleções europeias, além de americanos do mais alto gabarito.

Em seis anos, será a primeira vez que as equipes gregas (Panathinaikos e Olympiakos, este o atual bi-campeão europeu e Campeão Mundial) não estarão na competição. CSKA e Barcelona comparecerão pela terceira vez consecutiva. Já o Real Madrid estará no Final Four pela segunda vez consecutiva. O Maccabi volta depois de ficar ausente nas duas últimas edições.

Na primeira fase da Euroliga somente CSKA e Barcelona se enfrentaram com uma vitória cada. Já na fase do Top 16, CSKA, Real Madrid e Maccabi fizeram parte do Grupo F. Nos encontros entre CSKA e Real Madrid houve empate com predominância do mando de jogo. O CSKA venceu as duas partidas contra o Maccabi, o mesmo acontecendo com o Real Madrid enfrentando a equipe de Israel.

Os dois gigantes espanhóis farão uma das semifinais, repetindo a dose de 2013 quando o Real Madrid venceu o Barcelona e foi à final contra o Olympiakos. Somente uma outra vez as duas equipes se enfrentaram em semifinais da Euroliga, na era do Final Four. Foi em 1996 com vitória do Barcelona.

Já o CSKA e Maccabi se enfrentaram em semifinais uma única vez. Foi em 2004 com vitória da equipe de TelAviv.

Interessante notar que os possíveis encontros finais, nunca aconteceram na história da Euroliga,. Seriam eles: Barcelona x CSKA, Barcelona x Maccabi, Real Madrid x Maccabi e Real Madrid x CSKA.

Outros dados curiosos:

O Barcelona é a equipe com maior presença nos Final Four – 13 vezes, seguida do CSKA e Maccabi – 10 vezes. O Real Madrid esteve em  5 oportunidades

O Maccabi é a equipe que mais vezes disputou a final – 8 vezes, tendo vencido 2 delas. a seguir vem o Barcelona com 6 participações e 2 títulos. O CSKA esteve em 5 finais com dois títulos e o Real Madrid fez duas finais e venceu uma.

Nas 26 edições anteriores, somente em quatro delas ( 1992, 1998, 1999 e 2001) não tivemos a presença de, pelo menos uma dessas quatro equipes. As quatro equipes nunca estiveram juntas em um Final Four. CSKA, Barcelona e Real Madrid estiveram juntas por 2 vezes. CSKA-Barcelona e Maccabi-CSKA já estiveram juntas por 4 vezes. Maccabi-Barcelona estiveram juntas por 3 vezes e CSKA-Barcelona por 2 vezes.

Números (pts, %3, %2, %ll, reb, ass, b.perd, b.rec, efi)

Barcelona: 79,4; 35; 57,1; 68,7; 35,1; 18,5; 11,6; 4,6; 91,3

Real Madrid: 85,2; 39,7; 53,9; 80,2; 34,9; 17,9; 10,3; 7,6; 104,9

CSKA: 77,9; 40,4; 54,7; 71,8; 33,2; 19,0; 11,3; 6,1; 94,2

Maccabi: 79,2; 38,8; 55,5; 71,0; 31,6; 17,9; 11,9; 5,8; 85,8

Destaques (efi, cestinhas, rebotes, assists)

Barcelona: Navarro – 11,4; Tomic – 11,6; Tomic – 6,3; Huertas – 3,6

Real Madrid: Rudy Fernandez – 17,1; Sérgio Rodrigues – 13,5; Bouroussis – 5,9; Rudy Fernandez – 3,3

CSKA: Weems – 13,3; Weems – 12,6; Khryapa – 5,2; Khyriapa – 4,2

Maccabi: James – 12,2; Hickmann – 12,1; Smith – 5,4; Ohayon – 3,3

 

Diante deste quadro escolha sua final e seu campeão. Para não fugir à luta aí vai meu palpite:

Final: Barcelona x CSKA

Campeão: Barcelona

Claro que a torcida pelo Huertas influenciou. Mas qualquer uma dessas equipes que vencer será com grandces méritos e muita justiça.

Anúncios

2 comentários em “Euroliga – Final Four: os possíveis adversários do Flamengo

  1. Prof. Dante, sem querer polemizar, acho atrevimento precipitado escolher o basquetebol europeu como o melhor do mundo. Faço esta colocação amparado não só pela minha experiencia como ex-jogador da seleção brasileira razoavelmente bem sucedido, mas como professor de Educação Física formado pela USP e técnico, tambem com carreira bem sucedida. Sem duvida o insuperável basquete da NBA , seguido pela competição universitaria norte americana se sobrepõem a quaisquer outras competições organizadas neste planeta. Não tenho dúvida que para ser representado em competições internacionais, os Estados Unidos através de jogadores inscritos na NBA e daqueles que participam das competições universitarias, poderiam enviar mais de dez equipes e vencer qualquer competrição internacional. Meu intuito é melhoir esclarecer seus muitos seguidores.
    Atenciosamente
    Amaury A. Pasos

    1. Caro Amaury
      É sempre muito bom contar com suas observações sempre muito bem pontuadas. Eu tenho uma especial admiração pelo basquetebol europeu, pois acho que é aquele que mais se aproxima de nossa realidade. É claro que a NBA tem os melhores atletas e que têm um nível técnico insuperável. Mas no que diz respeito ao coletivo deixa, a meu modo de ver, muito a desejar. O universitário também é um basquetebol de altíssimo nível, tanto que o coloco como um dos meus preferidos pois são jovens promissores muito bem orientados por técnicos competentíssimos.
      Enfim, considero muito saudável essa divergência de opiniões e suas intervenções são um grande incentivo para que eu continue escrevendo. E ter comentários de pessoas de tal gabarito e a quem eu tive o prazer de ver jogar juntamente com o grande Wlamir (aliás, considero esta a melhor dupla do basquetebol mundial em todos os tempos) é uma grande honra.
      Aliás, somos frutos da mesma instituição, onde me formei e trabalhei por 28 anos.
      Grande abraço

Os comentários estão fechados.